No dia de hoje, 16 de fevereiro, recordamos a data de desencarne de nosso estimado Jésus Gonçalves, nascido em 12 de julho de 1902.

Esse querido irmão experimentou, ao longo de inúmeras encarnações, a glória, o poder e a riqueza, mas essas apenas lhe trouxeram tristeza e dor pelo desconhecimento das imutáveis Leis Espirituais. 

Em sua última encarnação, ao contrário das demais, sua vida foi de muitas provações, dificuldades e dores do corpo e da alma. No entanto, pelo conhecimento e compreensão das Leis Divinas e pela força espiritual esculpida ao longo de sofrimentos pelos equívocos do passado, Jésus Gonçalves superou a orfandade, a pobreza, as dificuldades e o preconceito devido a hanseníase que consumiu seu corpo lentamente ao longo dos anos. 

Tornou-se um exemplo para todos aqueles que conviveram com ele, trabalhando e difundindo o Evangelho do Cristo de uma forma tão empolgante e verdadeira, que acabou quebrando tabus e promovendo a integração entre os pacientes portadores de hanseníase e demais pessoas da sociedade. Por esses motivos, ficou conhecido como o poeta das chagas redentoras e Apóstolo de Pirapitinguí.

Já no plano espiritual, foi encarregado de comunicar juntamente com o Irmão Adolfo Schultz, que mais uma casa de atendimento espiritual seria aberta. Sendo assim, no dia 18 de maio do ano de 2000, iniciaram os primeiros trabalhos do Templo Espiritual Maria Santíssima. 

Nosso amado Irmão, está sempre presente nos trabalhos do TEMS auxiliando na expansão desta obra, trazendo consolo, esperança e paz a todos. 

Gratidão, Irmão Jésus Gonçalves!

Deixe uma resposta